April 04, 2011

Hands


Nas minhas mãos começa a liberdade....

Recordo em como era bom quando passava a maior parte do meu tempo a desenhar. Quando desenhava personagens dos meus desenhos animados preferidos sem a preocupação de se os braços estavam proporcionais ao corpo ou se a cabeça estava gigantesca. Sim, os meus desenhos eram cabeçudos. A verdade é que nessa altura não me via a fazer mais nada, mas mais nada mesmo.
Este desenho, que ainda está incompleto, é resultado de uma súbita vontade de pegar no lápis e retratar algo. Devo dizer que era disto que estava a precisar, funcionou como uma espécie de terapia pois, pode muita gente não entender tal como eu não entendo muita coisa, fez-me libertar do stress que me tem sufocado.
Desenhando ao som de uma boa música, é realmente relaxante…

1 comment: